Vozes/Poesia em Vários Tons/Poesias Brasileiras/Um Passeio por Minas Gerail/A Poesia de Ineifran Varão vols.I e II/Poemas Brasileiros/Causos e Cordéis/Varano/Varano, o poema sonoro

domingo, 26 de janeiro de 2014

MUITOS POVOS, UMA NAÇÃO!


Das tribos de Tapuias e Canelas
Ouve-se o som que ecoa na floresta!
É o chamamento uníssono pra festa,
No chão batido à luz de mil estrelas!

Juntam-se curumins e índias tão belas,
Pintados de urucum dos pés à testa!
Em volta, índios guerreiros, sentinelas,
Guardiões do patrimônio que lhes resta!

..........................................................
Ao índio só lhes basta a natureza!
Que seja preservada essa riqueza
Com mais entendimento e união!

Que os povos que povoam nossa terra
Não deixem que se perca o que ela encerra...
Que sejam todos Um – Uma Nação!